Guia_2019

Banner_Adsense_01

 

 

SB_Mkt_Geral




Segundo dados do Inda – Instituto Nacional dos Distribuidores de Aço no mês de junho houve uma sensível recuperação do setor de distribuição.

Este foi o melhor resultado na venda de aços planos, desde que passamos a divulgar as estatísticas que nos são fornecidas pelo Instituto Nacional dos Distribuidores de Aço – INDA.

Devemos considerar que no mês anterior grande parte dos resultados negativos ficou por conta da greve dos caminhoneiros que paralisou o país por um período de quase quinze dias e que em alguns setores ainda não permitiu a recuperação total.

SB 180716 INDA

Mas vamos aos números divulgados:

Vendas

As vendas de aços planos em junho apresentou um  aumento de 51,5% quando comparada a maio, atingindo o montante de 307,4 mil toneladas contra 203,0 mil toneladas. SE considerarmos  o mesmo mês do ano passado, quando foram vendidas 223,2 mil toneladas, a alta registrada foi de 37,8%.

Compras

As compras do mês de junho registraram alta de 20,7% perante maio, com volume total de 270,8 mil toneladas. Frente a junho do ano passado (229,6 mil ton.), a alta foi de 17,9%.

Estoques

Com esta reviravolta todos os estoques de junho sofreram queda de 3,9% em relação ao mês anterior, e atingiram o montante de 910,6 mil toneladas. O giro dos estoques obteve queda, fechando em 3,0 meses. No mês passado nosso comentário era para a o alto volume apresentado, que representava um número muito fora da curva regular de estoques nas mãos dos distribuidores.

Importações¹

As importações encerraram o mês de junho com alta de 15,4% em relação ao mês anterior, com volume total de 127,6 mil toneladas. Comparando-se ao mesmo mês do ano anterior (102,4 mil ton), as importações registraram avanço de 24,6%.

Segundo os dirigentes do Inda que apresentaram estes números a expectativa para julho é de que haja uma acomodação natural nas estatísticas e tantos as compras como as vendas apresentem uma queda de aproximadamente 15%.

Fonte: www.inda.org.br.