Em 2019 o Instituto Aço Brasil – IABr, informou oficialmente que foram produzidos 32.236 milhões de toneladas de aço bruto. (veja matéria completa na seção Cenários e Conjunturas). Segundo o IABr, a indústria do aço no Brasil é representada por 16 empresas privadas, controladas por doze grupos empresariais e operando 32 usinas distribuídas por 11 estados brasileiros, levando o Brasil a ocupar a 9ª posição no ranking da produção mundial.

Fonte: acobrasil.org.br

Conheça os grupos empresariais e as usinas siderúrgicas brasileiras:

AVB – Aço Verde do Brasil

Perfil: A empresa está localizada na cidade de Açailândia no Maranhão e pertence ao Grupo Ferroeste. Seus principais produtos são: Fio Máquina, Vergalhões, Tarugos, Ferro Gusa, Gases do Ar e Energia.

O grupo promove a verticalização da produção do “aço verde”, conceito criado para um aço produzido 100% com energia renovável e sem a emissão de carbono.

Fonte: avb.com.br

ArcelorMittal

Perfil: É o maior produtor de aço do mundo e um dos maiores em mineração. Está presente em mais de 60 países, com operações industriais em 19 deles, contando com mais de 210 mil empregados.

No Brasil é a maior produtora de aço com capacidade instalada superior a 12,5 milhões de toneladas/ano. Com plantas industriais em seis estados, emprega cerca de 17 mil pessoas. Produz aços longos e planos para indústria automobilística, eletrodomésticos, embalagens, construção civil e naval. Também atua em mineração, geração de energia, produção de biorredutor renovável e tecnologia da informação.

Fonte: www.arcelormittal.com.br

Aperam

Perfil: A Aperam é um player global em aço inoxidável com capacidade de produzir 2,5 milhões de toneladas de aço inoxidável plano na Europa e no Brasil. É também um dos principais produtores de produtos especiais de alto valor agregado, incluindo aço elétrico e ligas de níquel.

Seus produtos são vendidos para clientes em mais de 40 países, incluindo os setores aeroespacial, automotivo, hotelaria, construção, eletrodomésticos, engenharia elétrica, processos industriais, médico e setores de petróleo e gás.

Fonte:aperam.com

CSP – Companhia Siderúrgica do Pecém

Perfil: A Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP) é uma joint venture binacional, constituída em 2008, formada pela brasileira Vale (50% de participação), uma das maiores mineradoras do mundo em minério de ferro, e pelas sul-coreanas Dongkuk (30%), maior compradora mundial de placas de aço, e Posco (20%), 4ª maior siderúrgica do mundo e a primeira na Coréia do Sul. Está localizada em uma área de 571 hectares e sua capacidade instalada é de 3 milhões de toneladas de placas de aço/ano nesta primeira fase do projeto.

Fonte:cspecem.com

CSN – Companhia Siderúrgica Nacional(*)

Perfil: É a mais antiga siderúrgica brasileira. Privatizada em 1993 produz 5,6 milhões de toneladas entre aços planos e longos. Entre seus ativos, conta com uma usina siderúrgica integrada e cinco unidades industriais, sendo três delas no exterior, minas de minério de ferro, calcário, dolomita e estanho; uma distribuidora de aços planos; terminais portuários; participações em ferrovias e participação em duas usinas hidrelétricas. O mais recente negócio da companhia foi a entrada na produção de cimento em 2009. O grupo está presente em 18 estados brasileiros além de atuar em outros países.

Fonte: www.csn.com.br

Grupo Gerdau

Perfil: A Gerdau é a maior empresa brasileira produtora de aço e uma das principais fornecedoras de aços longos nas Américas e de aços especiais no mundo. No Brasil, também produz aços planos e minério de ferro, atividades que ampliam o mix de produtos oferecidos ao mercado e a competitividade das operações.

É a maior recicladora da América Latina e, no mundo, transforma, anualmente, milhões de toneladas de sucata em aço. As ações das empresas Gerdau estão listadas nas bolsas de valores de São Paulo (B3), Nova Iorque (NYSE) e Madri (Latibex).

Está presente em mais de 10 países e conta com mais de 30 mil colaboradores.

Fonte: www2.gerdau.com.br

 

Grupo Simec (*)

Perfil: Fundado em Guadalajara, México, em 1969 o grupo Simec iniciou suas atividades produzindo barras, perfis e vergalhões em aço. Anos depois, com a aquisição de mais 5 usinas no México, o Grupo SIMEC ampliou suas atividades para os Estados Unidos e Canadá, produzindo mais de 3 milhões de toneladas/ano e empregando cerca de 7.000 colaboradores.

O Grupo Simec, em 2011 expandiu suas operações e no Brasil iniciou, no Estado de São Paulo seu plano de expansão com a instalação da usina de Pindamonhangaba, no final de 2015.

Em 2018 o Grupo SIMEC adquiriu 2 novas plantas na região sudeste do Brasil, nas cidades de Cariacica/ES e Itaúna/MG e partiu para uma produção anual estimada em cerca de 1 milhão t/ano de vergalhões, fio máquina, barras e perfis.

As usinas de Pindamonhangaba e Cariacica juntas, são responsáveis por reciclar do meio ambiente mais de 1 milhão de toneladas de sucata de aço por ano. Emprega no Brasil mais de 1.000 profissionais.

Fonte: gruposimec.com.br

Siderúrgica Norte Brasil – Sinobras

Perfil: A Sinobras faz parte do Grupo Aço Cearense, que tem 40 anos de atuação no mercado brasileiro e oferece aos clientes, produtos em aços longos para a construção civil, como: vergalhões, treliças, arame recozido, tela e tela coluna. A empresa possui capacidade de 380 mil toneladas de aço, com um mix de produtos comercializados em todas as regiões do Brasil. Atualmente, emprega 1.300 pessoas e gera 16.700 empregos indiretos.

Fonte: www.sinobras.com.br

Ternium do Brasil

Perfil: A Ternium no Brasil está instalada no estado do Rio de Janeiro e conta com 8 mil empregos para uma produção declarada de 5 milhões de placas de aço. Seus produtos estão voltados para os mercados de construção civil, linha branca, agronegócio, energia e linha automotiva. Suas subsidiárias contam com 17 centros de produção na Argentina, Brasil, Colômbia, Estados Unidos, Guatemala e México e também integra o grupo controlador da Usiminas em conjunto com a Nippon Steel & Sumitomo Metal Corporation (NSSMC) e a Caixa dos Empregados da Usiminas.

Fonte: br.ternium.com

Usiminas

Perfil: A Usiminas fundada em 1962 é a maior produtora de aços planos da América Latina. Seus principais acionistas são o Grupo Nippon Steel e a Organização Techint (Ternium/Tenaris). Opera com duas usinas, localizadas em Ipatinga (MG) e Cubatão (SP). Seu foco é a produção de laminados planos. Atua ainda em uma joint venture com a Nippon Steel & Sumitomo Metal Corporation, (Usigal) na galvanização de aço por imersão a quente e nas áreas de Mineração, Distribuição e Prestação de Serviços agregados através da Usimec. Em seu portfólio inclui chapas grossas, tiras a quente, laminados a frio, eletrogalvanizados, galvanizados por imersão a quente e sincron.

Fonte: www.usiminas.com

Vallourec

Perfil: A Vallourec em Minas Gerais, opera nas unidades de Barreiro e Jeceaba que concentram a produção de tubos de aço sem costura; Existe ainda a Vallourec Florestal e a Vallourec Mineração responsáveis pela produção de carvão vegetal e minério de ferro. No Espírito Santo, a unidade Tubos Soldados Atlântico (TSA) fornece serviços de revestimento anticorrosivos.

Fonte: www.vallourec.com

Villares Metals

Perfil: Fundada em 1944 e atualmente localizada na cidade de Sumaré no interior de São Paulo produz aços e ligas especiais sendo considerada a maior produtora de aços especiais não planos de alta liga da América Latina. Em 2007 o Grupo austríaco VoestAlpine adquiriu o controle acionário da empresa. Sua linha de produtos inclui Aços Ferramenta, Aços Rápidos, Aços Válvula, Ligas Especiais e Peças Forjadas para aplicação nas indústrias automotiva, aeroespacial, ferramental, óleo & gás e geração de energia.

Fonte: www.villaresmetals.com.br

Nota do Editor – (*) Empresas não integrantes do quadro de associados do Instituto Aço Brasil – IABr.